O interior das células e organelas citoplasmáticas

Hoje vamos fazer uma viagem para dentro da célula! Vamos conhecer as organelas que compõem o citoplasma e suas funções!

O que é Citoplasma?

Nas células eucariontes há um espaço entre a membrana plasmática e a membrana nuclear denominado Citoplasma e é composto pelo hialoplasma, uma matéria coloidal (viscosa). Nele estão mergulhadas estruturas consideradas vivas, as organelas citoplasmáticas, com funções específicas e que desempenham papéis importantes na vida da célula.

As principais funções do Citoplasma das células animais:

  • Favorece a estrutura da célula, mantendo sua consistência e forma.
  • Armazenamento de substâncias químicas essenciais para a manutenção da vida.

 

Célula Animal
célula animal

 

Organelas celulares e suas funções

  • MEMBRANA PLASMÁTICA: se trata de uma estrutura presente em todas as células, tanto eucariontes quanto procariontes, e é ela que separa o interior das células do meio externo. Formada fundamentalmente de proteínas e fosfolipídios (também podem apresentar moléculas de carboidratos em sua estrutura), possui uma característica de extrema importância para a célula: a permeabilidade seletiva. A estrutura se trata de duas camadas contínuas de lipídeos e, imersas ou associadas à bicamada, proteínas que conformarão a aparência de um mosaico, o que, muito provavelmente, deu origem ao nome do modelo: mosaico fluido.

MEMBRANA PLASMÁTICA:

As glicoproteínas, em conjunto, formam o glicocálix, que é responsável pelo reconhecimento celular entre as células.

As proteínas transportam íons e moléculas menores.

As trocas gasosas ocorrem por simples difusão, diretamente na camada fosfolipídica.

  • RETÍCULOS ENDOPLASMÁTICOS: são vesículas de várias formas que se comunicam, delimitadas por membranas e que, no interior, possuem cavidades chamadas de cisternas que percorrem o citosol. Os retículos citoplasmáticos rugosos (RER) são assim chamados porque em sua superfície possuem grânulos, os ribossomos, organelas que participam da síntese proteica (produção de proteínas). Já o retículo endoplasmático liso (REL) tem a forma de túbulos que se unem ao longo do citosol. Têm várias funções, dentre elas a produção de proteínas e lipídios, e o armazenamento de substâncias.

RETÍCULOS ENDOPLASMÁTICOS

  • CENTRÍOLOS: estruturas cilíndricas, geralmente encontradas aos pares. Dão origem a cílios e flagelos (exceto os das bactérias), estando também relacionados com a reprodução celular – formando o fuso acromático que é observado durante a divisão celular.

CENTRÍOLOS

  • MITOCÔNDRIA: responsável pela respiração celular e pelo fornecimento de energia. O fornecimento de energia provém do ciclo de Krebs, que ocorre no interior das mitocôndrias, onde a partir de uma molécula de glicose, se formam 38 ATPs, CO2 e H2O. Além disso, é na membrana mitocondrial interna que ocorre o sistema transportador de elétrons, que também fornece ATP.MITOCÔNDRIA A matriz mitocondrial contém material genético (DNA e RNA). O DNA mitoco ndrial é transmitido 100% pela mãe. A mitocôndria sintetiza suas próprias proteínas, por meio de ribossomos exclusivos.
  • LISOSSOMOS: são vesículas que fazem a digestão e limpeza celular. Suas enzimas degradam moléculas grandes e organelas envelhecidas.

LISOSSOMOS

  • COMPLEXO DE GOLGI: é a organela que processa, empacota e armazena substâncias secretadas pela célula, como proteínas, glicoproteínas e polissacarídeos.

COMPLEXO DE GOLGI

  • RIBOSSOMOS: são compostos por duas subunidades de tamanhos diferentes, que depois de prontas se separam e saem do núcleo pelo poro nuclear, passando para o citoplasma. Têm função de produzir proteínas.

RIBOSSOMOS

  • PEROXISSOMOS: têm função de oxidar substâncias orgânicas, produzir peróxido de hidrogênio, participa da b-oxidação, exporta acetil-CoA para o citossol, participa da síntese de ácidos biliares e de colesterol. Em sua constituição estão presentes enzimas como a catalase, a urato oxidase e a D-aminoácidos e não possuem DNA e RNA. A catalase é uma enzima muito importante, pois ela oxida substâncias tóxicas ao organismo, inclusive o álcool etílico.

PEROXISSOMOS

  • CLOROPLASTOS: são organelas específicas de células vegetais e algas, que possuem características semelhantes com as mitocôndrias como: membrana dupla, DNA próprio, RNA e proteínas. Apresenta-se na forma alongada, delimitado por dupla membrana,contendo em seu interior inúmeras lâminas paralelas denominadas lamelas de constituição lipoproteica,separadas por um estroma (espaço interno do cloroplasto) onde é encontrada a clorofila.Depositadas sobre a lamela estão os tilacóides (bolsas esféricas) que se empilham formando o Grana. A estrutura granum-lamelar não é observada nos cloroplastos das algas. Realizam a fotossíntese.

CLOROPLASTOS

  • VACÚOLO: é um espaço grande presente na célula vegetal onde há um fluido aquoso conhecido como suco celular. Os vacúolos estão localizados no citoplasma da célula. Assim como as outras organelas celulares, os vacúolos também possuem uma importante função para o funcionamento da célula. Além de atuarem como reservatório de substâncias, também fazem a regulação das trocas de água que ocorrem no processo de osmose e também é responsável por manter a pressão hidrostática no interior da célula vegetal.

VACÚOLO

  • NÚCLEO: é onde fica armazenado o material genético da célula – o DNA. O núcleo é separado do citoplasma por uma membrana chamada carioteca (possui poros para comunicação entre núcleo e citoplasma) e seu interior é preenchido por cariolinfa – gel incolor composto, principalmente, por água e proteínas. Na cariolinfa fica o nucléolo – responsável pela síntese de RNA ribossômico. A cromatina fica imersa na cariolinfa. São os filamentos de moléculas de DNA e proteínas. Os genes são trechos dessas moléculas de DNA. Durante a divisão celular, esses filamentos se espiralizam e dão origem ao cromossomo.

NÚCLEO

Bons estudos!!!

 

EXERCÍCIOS PARA FIXAÇÃO

1- [Unesp 2016] A professora distribuiu aos alunos algumas fichas contendo, cada uma delas, uma descrição de características de uma organela celular.

Abaixo, as fichas recebidas por sete alunos.

fichas com características de organelas celulares

A professora também desenhou na quadra de esportes da escola uma grande célula animal, com algumas de suas organelas (fora de escala), conforme mostra a figura.

esquema de uma célula animal

Ao comando da professora, os alunos deveriam correr para a organela cuja característica estava descrita na ficha em seu poder.

Carlos e Mayara correram para a organela indicada pela seta 7; Fernando e Rodrigo correram para a organela indicada pela seta 5; Giovana e Gustavo correram para a organela indicada pela seta 4; Lígia correu para a organela indicada pela seta 6.

Os alunos que ocuparam o lugar correto na célula desenhada foram

  1. Mayara, Gustavo e Lígia.
  2. Rodrigo, Mayara e Giovana.
  3. Gustavo, Rodrigo e Fernando.
  4. Carlos, Giovana e Mayara.
  5. Fernando, Carlos e Lígia.

2-  Certas organelas produzem moléculas de ATP e outras utilizam o ATP produzido, pelas primeiras, para a síntese orgânica a partir do dióxido de carbono. Estamos falando, respectivamente, de:

a) lisossomos e cloroplastos. b) mitocôndrias e complexo de Golgi. c) mitocôndrias e cloroplastos. d) lisossomos e mitocôndrias.

3-  O retículo endoplasmático rugoso é responsável pela síntese e transporte de proteínas. No entanto, a síntese protéica é realizada por grânulos, que estão aderidos a ele, denominados de:

a) mitocôndrias. b) ribossomos. c) lisossomos. d) cloroplastos. e) fagossomos.

4- Os centríolos e o fuso mitótico apresentam como aspecto estrutural comum serem formados por:

a) microtúbulos b) colágeno c) flagelina d) lipoproteínas

5- Se uma planta for colocada em ambiente de total ausência de luz, a organela ______________ e o processo de _____________ serão diretamente afetados, nas células de suas folhas.

a) lisossoma, digestão intracelular. b) complexo de Golgi, secreção celular. c) peroxissoma, degradação de compostos orgânicos. d) cloroplasto, fotossíntese. e) mitocôndria, respiração celular

6- As estruturas presentes em uma célula vegetal, porém ausentes em uma bactéria, são:

a) cloroplastos, lisossomos, núcleo e membrana plasmática.

b) vacúolos, cromossomos, lisossomos e ribossomos.

c) complexo golgiense, membrana plasmática, mitocôndrias e núcleo.

d) cloroplastos, mitocôndrias, núcleo e retículo endoplasmático.

e) cloroplastos, complexo golgiense, mitocôndrias e ribossomos.

7- Todos os organismos obtêm para sua sobrevivência e crescimento um combustível vital às atividades celulares. Alguns destes organismos conseguem esse combustível através da NUTRIÇÃO e, outros o PRODUZEM através de um orgânulo específico. A partir de sua obtenção, esse combustível é DEGRADADO por meio de um ORGÂNULO PARTICULAR. Dessa maneira, as células conseguem a energia necessária aos seus processos vitais. Os quatro termos em negrito representam, respectivamente, os seguintes conceitos associados a eventos envolvendo produção e consumo de alimentos:

a) respiração, fotossíntese, digestão, lisossomo.

b) respiração, fotossíntese, fagocitose, lisossomo.

c) fermentação, respiração, pinocitose, fotossíntese.

d) heterotrofismo, autotrofismo, respiração, mitocôndria.

e) fagocitose, fotossíntese, digestão, lisossomo.

8- Identifique a opção que enumera as organelas celulares presentes em células vegetais e as associa corretamente com suas funções na célula vegetal.

a) Mitocôndria-respiração; centríolos-orientação da divisão; cloroplasto-fotossíntese.

b) Vacúolo-acúmulo de água; ribossomo-respiração; cloroplasto-fotossíntese.

c) Cloroplasto-fotossíntese; mitocôndria-respiração; ribossomos-digestão.

d) Mitocôndria-fotossíntese; cloroplasto-respiração; ribossomos-síntese protéica.

e) Membrana celular-revestimento; mitocôndria-respiração; cloroplasto-fotossíntese.

9- Analise as afirmações abaixo e escolha a opção que contém as assertivas corretas.

I. O diferencial, em relação ao retículo endoplasmático liso, o qual permite reconhecer o rugoso como fábrica de proteínas é a presença de ribossomos.

II. A eliminação de substâncias tóxicas é facilitada pelo retículo endoplasmático liso, pela adição de radicais metila a tais substâncias, tornando-as mais polares, sendo eliminadas, a partir do fígado, pelas gotas de gorduras suspensas em meio aquoso.

III. A lamela média que se forma durante a divisão celular, em células vegetais, é constituída a partir de substâncias produzidas no aparelho de golgi.

a) I e II; b) II e III; c) I e III; d) I, II e III.

10- Os peroxissomos são pequenas vesículas citoplasmáticas, presentes principalmente em células hepáticas, que participam da eliminação de substâncias tóxicas do meio celular. Em algumas reações químicas, que ocorrem nos peroxissomos a fim de eliminar substâncias tóxicas, há formação de água oxigenada (H2O2). Esta substância é importante para uma outra função desempenhada por estas vesículas e que pode, por analogia, ser comparada com o que ocorre quando se aplica água oxigenada em ferimentos e lesões cutâneas. Na maioria dos tecidos, encontra-se uma enzima denominada catalase, que facilita a decomposição da água oxigenada conforme a seguinte reação: 2H2O2 + catalase → 2H2O + O2

a) Considerando-se estas informações, justifique a finalidade da aplicação de água oxigenada em ferimentos e lesões cutâneas.

b) Qual organela citoplasmática encontrada em todas as células animais, principalmente em macrófagos, apresenta uma grande variedade de enzimas em seu interior? Cite o nome do processo que ocorre no interior dessas organelas após o englobamento de partículas estranhas.

 

RESPOSTAS

1-A

2-C

3-B

4-A

5-D

6-D

As células vegetais são eucariontes, possuem grande variedade de organelas, inclusive cloroplastos, que as caracterizam, já as células bacterianas, procariontes, são simples e possuem apenas ribossomos como organela, material genético disperso no hialoplasma, membrana plasmática e parede celular bacteriana, como envoltórios externos.

7-D

8-E

9-C

10- a) A catalase liberada em tecidos feridos atua na água oxigenada e provoca a liberação de oxigênio, que é tóxico para as bactérias anaeróbias causadoras de infecção.

b) A organela é o lisossomo. O processo do qual essa organela participa é a digestão intracelular, que ocorre no interior dos vacúolos digestivos, também chamados de lisossomos secundários.

Graduada em Nutrição pela Favip/Devry. Amo Biologia. Sempre estudei e me esforcei para alcançar meus objetivos. Acredito que a educação pode mudar as pessoas... Conheci o EducaHelp, que com posts simples trazia conteúdo objetivo! Agora sou Colunista e espero ajudar outros estudantes a compreender o maravilhoso mundo da BIOlogia!
COMPARTILHE!

Raquel Gomes

Graduada em Nutrição pela Favip/Devry. Amo Biologia. Sempre estudei e me esforcei para alcançar meus objetivos. Acredito que a educação pode mudar as pessoas... Conheci o EducaHelp, que com posts simples trazia conteúdo objetivo! Agora sou Colunista e espero ajudar outros estudantes a compreender o maravilhoso mundo da BIOlogia!

Gostou? Deixe uma resposta!