Primeira Guerra Árabe-Israelense (1948-1949)

Continuando com o especial sobre Conflito entre Israel e Palestina, destacamos hoje a Primeira Guerra Árabe-Israelense (1948-1949)

É importante relembrar que a guerra de 1948-1949 não foi o primeiro conflito entre árabes e judeus, sendo feito diversos conflitos entre os dois grupos. Nós publicamos aqui outros textos que explicam sobre esses diversos conflitos (leia mais).

O contexto da Primeira Guerra Árabe-Israelense (1948-1949)

Com a criação do Estado de Israel em 14 de maio de 1948, os países da Liga Árabe como Egito, Jordânia, Síria e Iraque declaram guerra a Israel. Este episódio foi chamado de Guerra da Independência de Israel ou Primeira Guerra Árabe-Israelense e perdurou até 1949, resultando no desabrigo de milhares de árabes. Deve-se relembrar também que o conflito

Israel, com apoio do EUA, conseguiu resistir e avançar o seu território anexando partes da região da Palestina. Veja no mapa as regiões anexadas.

Com a vitória de Israel a Palestina tem maior parte ocupada pelos israelenses. Exceto o trecho da Faixa de Gaza, que fica sobre ocupação egípcia, e a Cisjordânia que é ocupada pela Jordânia – mais tarde, a região viria a ser ocupada pelos judeus. Porém, a cidade de Jerusalém (cidade internacional de acordo com a Partilha da ONU) foi ocupada nesse momento pelos israelenses. No mapa é ainda possível perceber o curso do rio Jordão, que destaca a importância da Cisjordânia sobre disponibilidade de água e futuros interesses sobre essa área.

Naturalmente, a situação foi piorando com o aumento dos conflitos entre judeus e árabes-palestinos. O próximo entrave foi a Guerra de Suez em 1956, um conflito entre Israel e Egito (árabe) contra a nacionalização do canal. Com a pressão internacional, a ONU reconhece Egito como soberano ao canal. A rivalidade entre Egito e Israel aumenta com o passar dos anos, principalmente com a Guerra dos Seis Dias em 1967.

Sem a criação do Estado da Palestina, e ainda a perca do território dos árabes-palestinos para Israel, a situação na região tornou-se mais conflituosa.


Nas próximas semanas publicaremos sobre a Guerra dos Seis Dias em 1967 que mudou por completo a história com a ampliação do território israelense sobre países árabes.

Saiba mais: aqui no Educa help foi publicado um especial com textos sobre o Conflito entre Israel e Palestina, destacando a origem do conflito entre judeus e palestinos para compreender os problemas presentes até hoje na região, confira os demais textos acessando aqui.

Conflitos entre Israel e Palestina

Bibliografias consultadas 

VISENTINI, Paulo Fagundes. A Guerra Fria, a ONU e a Pax Americana (1945-1961).  In: Manual do candidato: história mundial contemporânea (1776-1991): da independência dos Estados Unidos ao colapso da União Soviética. . 3ª edição. Brasília: FUNAG, 2012. 283p.

PARKER, Philip. O nascimento de Israel. In: ______. Guia ilustrado Zahar: História Mundial. Tradução: Maria Alice Máximo. Rio de Janeiro: ZAHAR, 2011. p.384.

Material apostila Objetivo.

http://mundoestranho.abril.com.br/historia/como-foi-a-fundacao-de-israel/

http://brasilescola.uol.com.br/historiag/a-criacao-estado-israel.htm

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/10/151015_gaza_entenda_atualiza_cc

http://operamundi.uol.com.br/conteudo/historia/2114/hoje+na+historia+1947+_+onu+aprova+partilha+da+palestina+entre+arabes+e+judeus.shtml

Graduado e mestre em Geografia pela Unesp, campus de Presidente Prudente (SP). É atualmente professor de geografia em escolas particulares e públicas e professor de geopolítica em cursinho preparatório para vestibular. Escreve no Geografia no Vestibular e no Educa Help.
COMPARTILHE!

Leandro Nieves

Graduado e mestre em Geografia pela Unesp, campus de Presidente Prudente (SP). É atualmente professor de geografia em escolas particulares e públicas e professor de geopolítica em cursinho preparatório para vestibular. Escreve no Geografia no Vestibular e no Educa Help.

Gostou? Deixe uma resposta!